Professores da Ufam cogitam nova suspensão de aulas presenciais

A Ufam voltou aos trabalhos presenciais há apenas cinco dias.

Professores da Ufam cogitam nova suspensão de aulas presenciais Foto Márcio Costa/ AmEmPauta Notícia do dia 14/01/2022

 

Menos de uma semana após o recomeço das aulas presenciais na Universidade Federal do Amazonas (Ufam), professores e outros servidores da instituição já cogitam nova paralisação das atividades nesse formato. A possibilidade foi exposta em vários grupos de WhatsApp e seria motivada pelo aumento de casos da covid-19 em todo o Amazonas. A Universidade ficou quase dois anos sem atividades presenciais.

 

Há inclusive a possibilidade de publicação de uma nova portaria tratando sobre o tema, informou uma professora do campus Parintins aos acadêmicos. Oficialmente, a Ufam ainda não falou sobre o assunto. 

 

Na manhã desta sexta-feira, um grupo de estudantes, em contato com a reportagem do site AmEmPauta afirmou ser contra a paralisação das aulas presenciais, afirmando que muitos tiveram que se deslocar de cidades e até estados distantes para a retomada dos trabalhos.

 

 

A redação tentou contato com o reitor Sílvio Puga, mas não foi atendida. 

 

Márcio Costa/ AmEmPauta

Veja Mais

Das Antigas